TOP Magazine

Precisamos ajudar o Pantanal!

Ambientalistas e entidades conservacionistas unem-se para criar brigada anti-incêndio no Alto Pantanal e lançam campanha de arrecadação de recursos

POR Redação 4 MIN

16 set

4 Min

Precisamos ajudar o Pantanal!

POR Redação

	

O Pantanal é um dos maiores tesouros do Brasil e, mais do que nunca, precisa da nossa ajuda. Maior planície alagável do planeta e Patrimônio Natural da Humanidade, o bioma está ardendo em chamas. Mais de 2.200.000 hectares, quase 13% de sua área, foram incinerados neste ano e o cenário vem piorando a cada dia. “O fogo e a fumaça asfixiam a natureza e toda a economia do Pantanal. Sofrem o turismo, a pecuária, a pesca e as cidades e, por consequência, toda a população, como ribeirinhos, indígenas e produtores, além dos animais silvestres e o gado”, afirma o documentarista Lawrence Wahba.

Foto: Ernane Junior

Wahba é um dos idealizadores de uma campanha que tem o apresentador Luciano Huck como padrinho e que irá captar recursos, via crowdfunding, para a criação da Brigada Haroldo Palo Jr., que atuará em defesa da biodiversidade desta região do Pantanal nos Estados de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. A iniciativa nasce da vontade de apoiar o Estado no combate às chamas no corredor entre a Serra do Amolar, o Parque Nacional do Pantanal e o Parque Estadual Encontro das Águas – MT, local de extrema importância para conservação da onça-pintada e geração de recursos por meio do ecoturismo.

Segundo Angelo Rabelo, diretor de Relações Institucionais do Instituto Homem Pantaneiro (IHP) e coordenador deste projeto, a ideia de criar a brigada surgiu para apoiar o Estado, uma vez que a contratação de brigadistas pelo IBAMA e ICMBio ocorre de forma sazonal e não consegue ter homens suficientes para atuar nas regiões mais remotas e menos habitadas do Pantanal. “Nossa proposta é preencher essas lacunas nas quais os brigadistas não estão mobilizados e, ao mesmo tempo, cumprir um papel de prevenção em locais que são de interesse estratégico para conservação, sobretudo em áreas públicas e distantes das cidades”, diz.

Foto: Lawrence Wahba

A ideia da brigada não é só combater o fogo, mas, também, inspirar fazendeiros e outros setores da sociedade a replicar a ação. Além de atrair recursos para a criação da Brigada Alto Pantanal, 10% do que for obtido pela campanha serão destinados à construção de um ambulatório veterinário na Serra do Amolar e outros 10%, para alguma ação de mitigação de impacto na fauna da região da Transpantaneira/Porto Jofre, a qual vem sendo discutida com a ONG Ampara Silvestre que já presta primeiros socorros a animais vítimas das queimadas na região.

A previsão inicial é de que a campanha arrecade recursos para a manutenção da brigada com duas unidades com equipes atuando contra o fogo durante toda a estação seca de 2021 (ou antes se necessário). “Cada um pode colaborar e qualquer contribuição faz diferença. Vamos controlar esse fogo juntos”, afirma Filipe Cunha, especialista em Marketing Digital, que elaborou a estratégia da campanha.

Foram ativadas quatro plataformas para captação de doações: um crowdfunding (financiamento coletivo) pela plataforma catarse.me com meta de atingir R$ 500.000 (sendo 13% de taxa da plataforma), um crowdfunding voltado ao público internacional operado pelo parceiro Jaguar ID Project com previsão de atrair até US$ 100.000; doações em criptomoedas aceitas pela plataforma Mercado Bitcoin e doações de equipamentos, como dois barcos, máscaras e EPIs (Equipamento de Proteção Individual) ou recursos por empresas que poderão inserir suas marcas nos equipamentos doados. Cunha informa que, na campanha de financiamento coletivo (www.catarse.me/brigada_alto_pantanal), o valor mínimo é de R$ 10. Por sua vez, empresas interessadas em doar equipamentos ou recursos devem escrever para o email: contato@brigadaaltopantanal.org.br ou mandar mensagem pelo site www.brigadaaltopantanal.org.br. Vamos ajudar!

Foto: Lawrence Wahba

A live de lançamento da campanha aconteceu no Youtube da Brigada Alto Pantanal, dia 15/09, e contou com a participação da atriz Ingrid Guimarães, do ator Otaviano Costa, do documentarista Lawrence Wahba e do diretor de Relações Institucionais do Instituto Homem Pantaneiro, Angelo Rabelo, entre outros.

Brigada Alto Pantanal – Haroldo Palo Jr.

Realização: Instituto Homem Pantaneiro, Wahba Filmes e Documenta Pantanal

Site: www.brigadaaltopantanal.org.br

Email: contato@brigadaaltopantanal.org.br

Facebook:https://www.facebook.com/brigadaaltopantanal

Instagram: @brigada_altopantanal

Para doações ou parcerias: contato@brigadaaltopantanal.org.br

 

Foto de capa: Ernane Junior

  • COMPARTILHE
VOLTAR AO TOPO