TOP Magazine

Adolescentes a Bordo – Milão: uma trip das meninas

A capital da moda e os lagos nos arredores para se divertir sem preocupação

POR Érica Sanches 2 MIN

15 Maio

2 Min

Adolescentes a Bordo – Milão: uma trip das meninas

POR Érica Sanches

	

Eu e a Isabella escolhemos Milão para fazer uma viagem só nossa. Uma capital de moda, cultura e passeios pelos arredores. Os lagos mais importantes do norte da Itália estão a poucos quilômetros de Milão e são lindos, como o Lago de Como, de Garda, d’Iseo e Maggiore, que integraram nosso roteiro.

Em Milão, fizemos passeios clássicos, como o Duomo, o Castelo Sforsezco, os museus, as galerias e as ruas chiquérrimas. Antes de visitar o Duomo, vale lembrar que não é permitido entrar vestindo regata ou roupas curtas. Admire os vitrais na parte interna, a cripta de São Carlos Borromeo (antigo arcebispo de Milão), uma pequena sala com os tesouros do Duomo e o telhado, nossa parte preferida. Suba, contemple a vista e ande por seu telhado de mármore. Ao lado estão a loja de departamentos La Rinascente e a luxuosa Galeria Vittorio Emanuele.

Visitar museus com um adolescente não é uma tarefa fácil, por isso, escolha aqueles que valem a pena, como a Pinacoteca de Brera, com obras de Carvaggio e Raffaello. Siga para o bairro de Brera, com lojas descoladas. E combine o castelo Sforzesco com uma volta no Parque Sempione e o Arco della Pace, todos na mesma região.

Indo para os lagos, vale saber que o Lago de Como tem quase 150 km de diâmetro, então, é preciso escolher uma cidade-base para conhecer, caso faça um bate e volta de Milão como nós. Para alugar bike é preciso ter uma autorização (tipo carteira de motorista). Acabamos fazendo nosso passeio a pé mesmo, e foi divertido.

O Lago de Garda é o maior lago da Itália, com 370 km de diâmetro. Não tem como visitá-lo em um único dia, por isso, escolha uma cidade ao seu redor e desbrave. Para passar um dia no Lago Maggiore, vá para Stresa. No calçadão, os quiosques vendem os bilhetes para o transporte de barco com saídas a cada meia-hora (em frente ao Hotel Regina Palace). Os preços variam de acordo com o tamanho do barco e o número de ilhas visitadas. Fomos para Isola Bella, uma ilha particular da família Borromeo. Ali a grande atração é o Palazzo Borromeo e seus jardins.

Reservamos dois dias para as praias, e como era verão pegamos trânsito na estrada e a praia estava lotada! Fomos para Finale Ligure, o que não vale muito a pena, pois a praia é de tombo. No outro dia, fomos para Baía Del Silenzo, em uma vila com restaurantes bacaninhas e lojinhas bem litorâneas. Nos divertimos muito!

Se tiver oportunidade, faça uma viagem com um filho só. É importante ter um momento de exclusividade para se conhecer melhor e ter conversas que não temos no dia a dia!

 

Por Érica Sanches, flower designer, mãe dos adolescentes Isabella e Lucas, que viaja o mundo com seus filhos para descobrir os mais sensacionais lugares.

+ info: adolescentesabordo.com.br  e @adolescentes_abordo

 

Veja as Fotos

  • COMPARTILHE
VOLTAR AO TOPO