TOP Magazine

Aproveite: excesso de cultura não paga excesso de bagagem

Arte de rua, museus, galerias e um hotel cheio de personalidade podem ser boa pedida para curtir Miami

POR ricardo polinesio 10 MIN

22 Maio

10 Min

Aproveite: excesso de cultura não paga excesso de bagagem

POR ricardo polinesio

	

Quando se fala em uma viagem para Miami, todo mundo logo pensa em compras, compras e mais compras. E talvez, se sobrar tempo, um pouquinho de praia vai bem. Ok, ok, a gente também pensou o mesmo, mas logo se lembrou que Miami pode — e merece — ser muito mais do que isso. Miami é arte. Miami é design. Miami é cultura. Miami é gastronomia. E aqui, a gente vai provar para você.

Para sair do tradicional logo de cara, vale se hospedar em um dos mais novos hotéis da cidade. Instalado em um belo prédio com arquitetura dos anos 1940 (antes era o The Greenbrier Hotel), o Palihouse Miami Beach é cheio de referências mediterrâneas e muito charme. O lobby segue o estilo art déco, com uso de cores como turquesa e pêssego, e faz com que os hóspedes se sintam em casa assim que passam pela porta de entrada, a começar pela playlist sensacional que cria um clima único nos ambientes. E para a experiência iniciar com o pé direito, drinques de boas-vindas são oferecidos pelo Greenbrier Swim & Social. O charmoso bar do hotel serve refeições o dia inteiro e tem uma carta de bebidas diversificada, com drinques variados e vinhos e cervejas locais.

Bom, agora que você já está devidamente acomodado em um dos quartos, que podem ter vista para o canal Indian Creek, é hora de dar uma volta para curtir tudo o que Miami tem para oferecer (além das compras, é claro). Para facilitar esse tour, o Palihouse oferece bicicletas retrô para todos os hóspedes. É só pedir a sua e sair pedalando, seja pelo calçadão, seja cidade adentro. É uma excelente opção para descobrir maravilhas escondidas de Miami, como as ciclovias de Venetian Islands, uma zona residencial superconvidativa que faz você ter vontade de arrumar as malas e se mudar para a cidade.

Ainda de bicicleta, vale visitar Wynwood a uns 40 minutos de pedal a partir do hotel. O famoso bairro, por si só, já é um museu a céu aberto, com seus muros grafitados, com destaque para Wynwood Walls e as inúmeras galerias de arte da região. Uma das boas-novas é o Museum of Graffiti, o primeiro museu mundial sobre a história do grafite. Agora, se você é amante de música ou carros antigos, faça uma parada na WaltGrace Vintage Cars & Guitars. A loja é recheada de carros antigos — impecáveis — e decorada com quadros que mostram o rosto de diversos artistas feitos de palhetas de guitarra. Depois, perca-se pelas ruas fechadas para carros do Design District — cheias de galerias de arte, lojas de design, decoração, moda e arquitetura, um dos pontos altos de uma Miami além das compras.

Após esse banho cultural, nada melhor do que voltar e aproveitar os atrativos do hotel. Que tal se acomodar em uma das espreguiçadeiras da piscina e curtir alguns drinques? Mas se você preferir ir até a praia, não se preocupe. O hotel oferece transporte de ida e volta por meio de um pequeno jipe elétrico conversível (apelidado de moke), além de guarda-sol, cadeira e toalhas para sua maior comodidade.

Não é de hoje que a cena cultural de Miami vem ganhando força. E mesmo que você esteja viajando com crianças, não é preciso mudar o foco. Miami tem atrações para todas as idades, como o fantástico Patricia and Phillip Frost Museum of Science, um espaço totalmente interativo onde os pequenos podem passar horas se divertindo e, claro, aprendendo. A grande atração é o imenso aquário com tubarões, arraias e tartarugas, visível de diversos andares do prédio, além do planetário de alta definição que faz com que todos os visitantes — inclusive você — viajem para muito longe.

Mas as atrações culturais para crianças não acabam por aí. Ali perto está localizado o Miami Children’s Museum, onde, além das exposições e atrações permanentes, há sempre uma sazonal. E para os pais ficarem tranquilos e também terem tempo de curtir o museu, no terceiro andar tem uma sala dedicada a atividades artísticas com monitores e supervisão total. Uma oportunidade para os pequenos interagirem com crianças do mundo inteiro.

Outra grande atração na mesma região, agora não mais para as crianças, é o Pérez Art Museum Miami. O prédio, por si só, é uma obra de arte. Com vista para a Baía de Biscayne e com um belo paisagismo, a fachada já impressiona. Ao entrar no museu, toda a expectativa criada pelo entorno se materializa em instalações belíssimas de artistas como Teresita Fernández e sua exposição Elemental, George Segal e José Carlos Martinat, entre outros.

Um pouquinho mais afastado, siga para o Vizcaya Museum and Gardens. Antiga residência de inverno do magnata de Chicago James Deering, o local foi todo inspirado na arquitetura europeia dos séculos passados e hoje é um Monumento Histórico Nacional reconhecido pela American Association of Museums. A mansão principal conta com mais de 70 quartos e salas decoradas com artefatos antigos europeus. A parte mais interessante são os enormes jardins bem conservados e convidativos a um passeio de contemplação. Ali, definitivamente, você esquece por alguns momentos que está em Miami.

Falando nisso, experimente perambular pelas ruas de Little Havana. Com galerias de arte e restaurantes tipicamente cubanos, o bairro é um verdadeiro convite à boemia. A região ainda conta com lojas de charutos, cafeterias com cafés típicos e até, pasmem, uma praça, o Maximo Gomez Park, onde os moradores discutem política enquanto jogam dominó. Mais cubano impossível. Depois de explorar os melhores museus e apreciar o melhor da cultura da cidade, é hora de descobrir os sabores de Miami. E no quesito gastronomia, não deixa nada a desejar se comparada a outras capitais do mundo. Se você busca algo mais refinado, o II Mulino New York, dentro do Acqualina Resort and Spa, é uma boa pedida. O restaurante tem um toque italiano com uso de ingredientes sofisticados. Vale dar uma esticada, antes ou depois do jantar, para conhecer o Acqualina Spa by ESPA. Os tratamentos usam protocolos e produtos naturais da marca inglesa. Outra opção interessante é o LT Steak & Seafood at The Betsy Hotel. Com ambiente descontraído, o restaurante fica dentro do charmoso hotel na Ocean Drive, em South Beach. Prove o Seafood Ceviche “Leche de Tigre” ou qualquer outra especialidade da culinária oriental servida na casa. Se você prefere carnes, vá sem medo de errar: os cortes são muito bem preparados e servidos.

       

Agora, se você busca um ambiente refinado e animado ao mesmo tempo, com certeza o The Deck at Island Gardens vai atender às suas expectativas. Para começar, peça a salada especial do chef. Preparada dentro de um queijo parmesão, na hora e na sua frente, ela leva rúcula, tomate cereja, azeitona preta e um molho secreto que dá o toque final. Sobre os pratos, não tem muito o que falar, já que todos são deliciosos, com destaque para o tartare de atum bem refrescante e o Charred Octopus, que só de ler o cardápio, já dá água na boca. Finalize com o Chilean Sea Bass, servido com caviar e molho de champanhe. Ah, e por favor, guarde um espaço para as sobremesas. Fica a dica!

E como tudo na vida uma hora tem que acabar, finalmente e infelizmente é hora de arrumar as malas e voltar para casa. Mas, desta vez, você não precisa se preocupar na fila do check-in: excesso de cultura e até uns quilinhos a mais não pagam excesso de bagagem.

Dicas quentes

Como chegar

O principal aeroporto da cidade é o Aeroporto Internacional de Miami. Companhias como Gol, Latam e American Airlines realizam voos diários sem conexão, com duração média de oito horas. Já a Copa Airlines e a Delta Air Lines fazem paradas geralmente na Cidade do Panamá, e Atlanta ou Nova York, respectivamente.

Documentos e vacinas

É obrigatório ter passaporte brasileiro válido com no mínimo seis meses, além de visto americano. A princípio, não é necessária nenhuma vacina para entrar em Miami. Porém, caso sua entrada seja via Panamá, será exigido o comprovante de vacinação contra febre amarela.

Onde ficar

Palihouse Miami Beach: ele é o sétimo hotel da Palisociety (palisociety.com), marca de hotéis lifestyle, com sede em Los Angeles. Fica localizado na Indian Creek Waterway, possui 71 acomodações, entre quartos e estúdios, sendo a maioria com cozinha americana. Os espaços mesclam o contemporâneo com o vintage, com cores, móveis e elementos decorativos com design inspirado no Mediterrâneo. Os hóspedes desfrutam do serviço de praia, bicicletas, jipe elétrico para transporte. Indian Creek Drive, 3101, Miami Beach. Reservas: palisociety.com/hotels/miami-beach

Onde ir

Mais informações do destino: miamiandbeaches.com

Wynwood Walls: thewynwoodwalls.com

Museum of Graffiti: museumofgraffiti.com

WaltGrace Vintage Cars & Guitars: waltgracevintage.com

Design District: miamidesigndistrict.net

Patricia and Phillip Frost Museum of Science: frostscience.org

Miami Children’s Museum: miamichildrensmuseum.org

Pérez Art Museum Miami: pamm.org

Vizcaya Museum and Gardens: vizcaya.org

Onde comer

Il Mulino New York at Acqualina Resort and Spa: ilmulino.com/miami

Acqualina Spa by ESPA: acqualinaresort.com

LT Steak & Seafood at The Betsy Hotel: thebetsyhotel.com/dine/lt-steak-seafood

The Deck at Island Gardens: islandgardens.com/the-deck

 

Veja as Fotos

  • COMPARTILHE
VOLTAR AO TOPO