TOP Magazine

MULHER DE FIBRA

CMO e fundadora da rede de hotéis e resorts de luxo Martinhal, a singapuriana Chitra Stern conta como chegou lá à frente do mundo dos negócios

POR Vivian Monicci 3 MIN

02 dez

3 Min

MULHER DE FIBRA

POR Vivian Monicci

	

“Eu cresci com essa ideia de que as mulheres podem fazer qualquer coisa. Mesmo sendo de família indiana, não havia estereótipos, e meu pai sempre me fez pensar que eu podia ser o que quisesse”. Sem dúvida, esse background familiar moldou toda a carreira de sucesso da singapuriana Chitra Stern, CMO, fundadora e administradora do Grupo Martinhal, rede portuguesa de hotéis e resorts especializados em férias de luxo para a família. Em setembro desse ano, ela esteve pela primeira vez no Brasil para divulgar os novos projetos do grupo: o Martinhal Residences e o polo educacional EduHub, ambos localizados no Parque das Nações, bairro mais moderno de Lisboa, em Portugal.

Chitra se mudou para Londres aos 18 anos para fazer faculdade de engenharia e MBA na London Business School. Trabalhou muitos anos na PWC, onde iniciou sua caminhada no universo financeiro e atuou como revisora oficial de contas e management consultant. “Na minha religião, deuses e deusas têm poder igual. Na minha família, nós somos quatro meninas e dois meninos, e todos foram encorajados a sonhar grande e estudar fora. A educação é muito importante na nossa cultura. Meu pai era um empreendedor, que veio do nada e sempre nos fez valorizar o trabalho e o dinheiro – não ganhar apenas pela questão financeira, mas sim com boas intenções e objetivos nos negócios”, explica Chitra em entrevista exclusiva à TOP Magazine.

 

No meio do caminho, ainda na PWC, ela conheceu o marido Roman Stern, suíço que trabalhava na empresa. “Ele vem de uma família bem sucedida e nós dois tivemos o privilégio da boa educação, mas nada nos foi dado. Nunca tomamos as coisas como certas. Acho que isso fez a gente se unir e começar algo do zero em um país novo. Os bons valores familiares de ambos os lados e o senso de aventura nos aproximou”, conta sobre a fundação em 2010 do seu Elegant Group, que detém a rede Martinhal. Sem dúvida, tiveram que se arriscar em um momento de crise mundial nada favorável para os negócios. “Todos os desafios vêm com os frutos mais tarde. O primeiro projeto que realizamos, o Sagres Beach Family Resort em Sagres, na região do Algarve, não foi nada fácil. Por causa do timing e da burocracia, nós tivemos cinco anos de estresse extremo que não consigo nem explicar. Mas o maior desafio foi a crise global que enfrentamos, não havia liquidez nos sistemas bancários. Mesmo assim, conseguimos superar e isso construiu a nossa reputação no ramo”, finaliza Chitra, que mesmo criando e educando quatro filhos, provou o quanto uma mulher empreendedora pode ser bem sucedida em Portugal, lugar que aliás, recebe muito bem os estrangeiros que constroem verdadeiros impérios.

  • COMPARTILHE
VOLTAR AO TOPO