TOP Magazine

Boas intenções

Produção francesa usa tom de comédia para expor dificuldade de interação entre culturas distintas

POR Walter de Sousa, com exclusividade para a TOP Magazine 3 MIN

25 jun

3 Min

Boas intenções

POR Walter de Sousa, com exclusividade para a TOP Magazine

	

É possível dedicar a maior parte do seu tempo a ajudar refugiados e necessitados e viver às turras com sua família, filhos e marido? Esse é o ponto de partida de Boas intenções, do diretor Gilles Legrand, que se propõe a discutir a imigração com um leve tom de comédia. Tratada como problema institucional pelo governo há pelo menos duas décadas, a presença de refugiados na França é um tema que, em geral, carrega certa gravidade. Por isso o filme tenta ser leve enquanto a própria protagonista, a atabalhoada Isabelle (Àgnes Jaoui), professora de francês, tenta vencer, sem ser muito convincente, as imensas diferenças culturais de seus alunos refugiados. Entre eles estão uma chinesa, um guineense, uma búlgara, um cigano, um brasileiro (com camiseta da seleção) e uma francesa analfabeta. Sua dedicação aos alunos, no entanto, não tem evitado rusgas com o diretor da escola, que contrata uma professora mais nova que, munida de novas técnicas didáticas, ameaça o seu emprego.

Tudo se complica quando, ao descobrir que a maioria dos alunos cumpre as aulas de francês para poder tirar a habilitação de motorista, Isabelle decide se aliar a um quase falido instrutor (Nuno Roque) para ajudá-los a melhorar suas condições de conseguir um emprego em solo francês.
Em casa, os filhos adolescentes de Isabelle tentam naturalizar a ausência da mãe e sua mania de ajudar os outros. O marido bósnio, tentando salvar o casamento, a leva para uma terapia de casal, que não traz qualquer resultado positivo. A trama tem a qualidade de encontrar uma solução interessante ao passo que as relações – familiares e profissionais – vão se tornando mais complicadas no decorrer do filme. Sem propor grandes reflexões sociológicas, Boas intenções quer mostrar o cenário evidente de um mundo desterritorializado. E a certeza pouco evidente de que não estamos nem um pouco preparados para ele.

Boas intenções

Direção: Gilles Legrand

Elenco: Agnès Jaoui, Alban Ivanov, Claire Sermonne e Tim Seyfi

Duração: 100 min

Vem conferir o trailer: 

  • COMPARTILHE
VOLTAR AO TOPO