TOP Magazine

A Inglaterra é aqui (e você nem sabia)

No gastropub Camden House todo dia é dia de brunch

POR Walter de Sousa e Mônica Arouca, especialmente para a TOP Magazine 3 MIN

06 fev

3 Min

A Inglaterra é aqui (e você nem sabia)

POR Walter de Sousa e Mônica Arouca, especialmente para a TOP Magazine

	

Uma reunião de trabalho matinal pode ser um pretexto – e bem legítimo – para saborear uma bruschetta de avocado. Um encontro numa manhã preguiçosa com amigos certamente é ocasião para se deliciar com um café inglês ou continental. Taí um espaço na agenda que merece atenção: experimentar as demais opções do cardápio da Camden House, criado pela chef Elisa Hill, brasileira, que há três anos trouxe para estes trópicos o conceito de gastropub. Depois de passar 12 anos vivendo em solo britânico, a chef percebeu que era possível oferecer pratos elaborados para acompanhar bebidas típicas dos pubs ingleses (antes eles eram pensados como escapadelas noturnas para  a pie and a pint e laggers à profusão). Agora a Camden oferece uma contraparte diurna: sob o luar, cervejas e whiskies; sob a luz da manhã, pode-se ter o tradicional brunch inglês ou outras comidinhas com assinatura de exclusividade de Elisa. Eis que ela pensa no gosto de todos e de cada um: tem variedade vegana, vegetariana e outras que tais, basta o cliente pedir.

As opções garantem várias manhãs cheias de manhas. A já evocada bruschetta de avocado (pão da casa, espinafre, queijo de cabra, bacon e tomate confitado) pode ser acompanhada pelo iogurte caseiro com manga, banana, mel e chia embebida em leite de coco natural (R$ 39,00). Há as sofisticadas panquecas, nas versões tradicional, com manteiga e xarope de maple (R$ 27,00), compota de frutas vermelhas (R$ 19,00) ou bacon e maple (R$ 29,00) e,  como não há breakfast sem ovos, escolha: pochés, acompanhados por molho hollandaise e muffin inglês; ou benedict (com bacon, R$ 29,00), florentine (com espinafre, R$ 29,00) ou royale (com peixe curado, R$ 31,00). Uma revolução gastronômica, como se vê e se sente.

Os pedidos imperdíveis, leia-se  BLT sandwich (com bacon, queijo raclete, alface romana, tomate confitado e maionese defumada) e o B&E (com bacon, ovos fritos com a gema mole e maionese), ambos acompanhados com batatas rústicas (R$ 33,00), são sensações da casa.

As inovações de Elisa Hill na Camden House orientam-se pela filosofia da “cozinha comprometida”, e essa ideia vai além dos ares e sabores ingleses. A chef se preocupa com o meio ambiente e com a responsabilidade social, o que envolve o uso de ingredientes orgânicos, peixes de pesca sustentável e embutidos artesanais. Você dificilmente vai encontrar tudo isso na Inglaterra. Palavra de quem viveu lá.

 

  • COMPARTILHE
VOLTAR AO TOPO